REGISTRO CIVIL
DAS PESSOAS NATURAIS E 2ª ZONA
NOVO HAMBURGO - RS

Detran RS

1ª Zona (51) 3593-3841

2ª Zona (51) 3594-2124

CRVA (51) 3582-0101

NOTÍCIAS

ATENÇÃO: Novos telefones para PLANTÕES DE ÓBITOS

13/03/2017

  A T E N Ç Ã O

 

 

Prezados clientes,

 

 

vimos através deste comunicar nossos novos telefones para plantões de óbitos:

 

 

51 994020513

 

51 991650512

 

 

Atenciosamente

Mais notícias

  • 24/05/2021:

    CNJ altera Resolução e apostilamento de documentos poderá ser realizado de forma 100% digital

    -  CNJ altera Resolução e apostilamento de documentos poderá ser realizado de forma 100% digital   Sugestão de alteração foi feita pelo Grupo de Trabalho com representantes da Corregedoria Nacional de Justiça e das entidades dos Notários e Registradores.   O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) alterou a Resolução CNJ n. 228/2016, que “regulamenta a aplicação, no âmbito do Poder Judiciário, da Convenção sobre a Eliminação da Exigência de Legalização de Documentos Públicos Estrangeiros, celebrada na Haia, em 5 de outubro de 1961 (Convenção da Apostila).” A alteração ocorreu em decorrência do julgamento do Ato Normativo n. 0003194-03.2021.2.00.0000, na  86ª Sessão Virtual do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Com a medida, os documentos eletrônicos poderão ser apostilados exclusivamente em meio digital e receber o certificado de autenticidade válido em mais de 100 países signatários da Convenção da Apostila da Haia. Até a medida, mesmo documentos assinados eletronicamente precisavam ser materializados para receber o selo. Em seu Voto, a Relatora do processo, Ministra Maria Thereza de Assis Moura, destacou a busca pelo aperfeiçoamento e a universalização do Sistema APOSTIL e a instituição no âmbito da Corregedoria Nacional de Justiça, de Grupo de Trabalho com representantes da Corregedoria e das entidades dos Notários e Registradores, onde se concluiu que “seria de bom alvitre o ajuste da resolução, de modo a aperfeiçoar o atual sistema eletrônico de apostilamento.” Para a Ministra, “a alteração permitirá a emissão de apostilas por meio eletrônico. Atualmente, é necessário materializar o documento nato-digital e apor a apostila em papel – muito embora o ato seja registrado em um sistema eletrônico. Grande parte dos documentos públicos produzidos no Brasil são nato-digitais, assinados eletronicamente. Será possível apostilar esses documentos digitais exclusivamente em meio digital, afinando o país às melhores práticas recomendadas pela Conferência da Haia de Direito Internacional Privado (HCCH).” A Relatora também apontou que o texto em vigor ainda se refere ao sistema SEI Apostila, o qual já não é mais utilizado e destacou que, embora a União continue mantendo a propriedade intelectual do sistema, sua sustentação e evolução poderá ser, sem ônus, transferida para Notários e Registradores. “Os delegatários exercem, sob a fiscalização do Conselho, o serviço de apostilamento, na forma do art. 236 da Constituição da República. Em contrapartida, assumirão as despesas correspondentes”, afirmou a Ministra. Vale lembrar que o Instituto de Registro Imobiliário do Brasil (IRIB), em conjunto com a Associação dos Notários e Registradores do Brasil (ANOREG/BR) e outras entidades, integra o mencionado Grupo de Trabalho, tendo, inclusive, divulgado sua participação nas reuniões acerca do tema nas edições anteriores do Boletim do IRIB. Para saber mais, veja os Boletins do IRIB ns. 4733, 4792 e 4798.   Confira a íntegra do voto e a alteração da Resolução CNJ n. 228/2016.   Fonte: IRIB, com informações do CNJ.

    Leia Mais

  • 30/03/2021:

    FERIADO MUNICIPAL 05/04

    -  Prezados,  informamos que no dia 05/04 não haverá expediente em virtude do feriado municipal. O regime de plantão de óbitos manterá seu atendimento por sobreaviso.  Att. 

    Leia Mais

  • 17/03/2021:

    Cartórios passam a aceitar procuração para acesso digital a sistemas da Receita

    -  Cartórios passam a aceitar procuração para acesso digital a sistemas da Receita   A Receita Federal, em parceria com a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil), possibilitou que cidadãos que não possuem acesso digital aos serviços do órgão outorguem procuração para uma pessoa de confiança com acesso digital. Com a medida, as pessoas poderão solicitar documentos necessários para o preenchimento da Declaração Imposto de Renda de maneira virtual. Para emitir essa procuração o usuário deverá acessar o site da Receita e preencher o documento, indicando quais serviços o procurador poderá acessar. Com o documento preenchido, basta se dirigir ao Cartório de Registro Civil mais próximo, que fará a validação do documento e o enviará à Receita. O processo até a liberação do procurador poderá ser acompanhado eletronicamente pelo usuário. Por conta de o processo acontecer pelos cartórios, que estão presentes em todos os municípios do país, "esse trabalho colaborativo oferece ótimas perspectivas para a oferta de serviços públicos, possibilitando mais alternativas para que a população possa ser assistida pelos serviços prestados pela Receita Federal do Brasil", afirma José Humberto Valentino Vieira, coordenador-Geral de atendimento da Receita. Os cartórios podem cobrar uma taxa de R$14 do solicitante. Os demais serviços feitos, como inscrição no CPF realizada no ato do registro de nascimento e cancelamento no caso de óbito, continuarão gratuitos. Com informações da assessoria da Arpen-Brasil. Fonte: Conjur

    Leia Mais

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS...